Arquivo mensal: março 2012

Desrespeito

Há algumas semanas, estive na Lapa para encontrar alguns amigos. Enquanto procurávamos uma mesa livre num bar próximo aos arcos, fiquei estarrecido ao notar a mutilação no gigante painel grafitado, que fica logo atrás do Circo Voador. Ainda não sei se a obra foi autorizada pela prefeitura, ou até mesmo se poderiam fazer intervenções na estrutura do prédio, mas o fato é que o Teatro Odisséia abriu três portas em sua lateral, destruindo boa parte daquela obra prima da arte urbana.

Os grafiteiros responsáveis pelo painel estão revoltados com o Grupo Matriz, que é responsável pelo estabelecimento. Entre o lamento e a revolta, os artistas discutem o que fazer com o  que restou do painel, já que tamanha falta de respeito não pode passar impune. E não é só ali que esse tipo de coisa acontece. Na última semana, um lindo grafite de Marcelo Ment foi coberto por cartazes ilegais na esquina da rua Farme de Amoedo com a avenida Vieira Souto, como se ê na foto abaixo.

Criatividade precisa de prazo

Trabalhar com idéias não é tão simples quanto parece. Por mais talentoso que você seja, certos fatores sempre atrapalham o processo criativo. Prazos curtos demais, pressão excessiva, burocracia… não há nada menos estimulante para quem precisa deixar a mente fluir. O vídeo acima sintetiza bem esse processo, e esclarece que é preciso saber respeitar o tempo de cada um para se alcançar o melhor resultado.

Hotel Transylvania

Homem Cupim

Nascido e criado em Belo Horizonte, André Gonzaga (Dalata), atua na cena do graffiti desde 97. Conhecido tanto no Brasil quanto no mundo,seu trabalho é um coquetel de abstração e surrealismo em uma mistura de tecnicas variadas. Passeando pela pintura, o desenho e a escultura,o artista cria um mundo próprio voltado para o positivismo. Dalata retrata a vida em um lugar não muito distante, onde seres mutantes trazem a tona naturalmente, cenarios e personagens de um universo lúdico. Em um jogo de formas pensantes no denominado estilo bizarro apaixonante, reconhecido tambem pelo seu trabalho em superficies irregulares, onde faz intervenções em locais degradados interagindo com a natureza do lugar. Explorando manchas, bolores, rachaduras e todo tipo de deformação que o ambiente tenha a oferecer, a infinidade de interpretações em sua obra é uma das marcas registradas do seu trabalho.Abrindo as portas para um dialogo entre a arte e o público.

Via Flickr

Águas de Março

“Última Vontade” de Millôr Fernandes

Enterrem meu corpo em qualquer lugar.
Que não seja, porém, um cemitério.
De preferência, mata;
Na Gávea, na Tijuca, em Jacarepaguá.
Na tumba, em letras fundas,
Que o tempo não destrua,
Meu nome gravado claramente.
De modo que, um dia,
Um casal desgarrado
Em busca de sossego
Ou de saciedade solitária,
Me descubra entre folhas,
Detritos vegetais,
Cheiros de bichos mortos
(Como eu).
E, como uma longa árvore desgalhada
Levantou um pouco a laje do meu túmulo
Com a raiz poderosa,
Haja a vaga impressão
De que não estou na morada.
Não sairei, prometo.
Estarei fenecendo normalmente
Em meu canteiro final.
E o casal repetirá meu nome,
Sem saber quem eu fui,
E se irá embora,
Preso à angústia infinita
Do ser e do não ser.
Sol e chuva ocasionais,
Estes sim, imortais.
Até que um dia, de mim caia a semente
De onde há de brotar a flor
Que eu peço que se chame
Papáverum Millôr

Chão, chão, chão!

Tem coisas que só a arte de rua mesmo faz pela gente…

Baby Avengers versus Baby X-Men

No último sábado, eu falei sobre como seria interessante se a Pixar fizesse um acordo com a Marvel para lançar um filme baseado nos desenhos de Skottie Young. Pois bem…

Isso é muito pouco provável, para não dizer impossível. Uma pena…

Mas para não nos deixar chupando o dedo, Skottie publicou outra ilustração, também interessante: um crossover  com os Baby Avengers. Vai dizer que não está um barato?

via Skottie Young

Iluzia

Via Smelly Cat

Baby X-Men

Já faz um tempão que a imagem do bebê Magneto circula pela web com os créditos errados. Para surpresa de muita gente, não foi a Pixar que produziu esse magnífico 3D, e sim o Vitão, aka Victor Hugo. Ele revela que se inspirou, na verdade, em uma arte de Skottie Young ( que é um dos meus desenhistas favoritos ), onde os X-Men são retratados como bebezinhos fofos e superpoderosos.

Agora imaginem se a Pixar resolve bancar a ideia junto com a Marvel, usando os talentos de Vitão e Skottie Young?

Via Geekologie

Macacos me mordam, Batman!

Você virou Bonequinha Russa?

A idéia foi da designer e fotógrafa russa Katya Malkhova.

Via Complex Art & Design

Tintin

O melhor cosplay de Tintin!

Via Comics, Cosplay and Craziness

Do Ya Thing

Gorillaz + James Murphy (LCD Soundsystem) + Andre 3000 ( Outkast)

Via Converse

Frankenweenie, 1984

A esta altura, todo mundo já sabe que Tim Burton está trabalhando em seu “novo” longa-metragem, “Frankenweenie”, não é mesmo? Depois de revirar quase todos os torrents, e sites especializados, eu estava quase desistindo de procurar o curta-metragem homônimo, lançado em 1984… até que encontrei! Agora é só estourar um balde de pipoca e curtir a história de Victor e Sparky!

Comichão e Coçadinha, o filme

Já não bastasse ser um desenho dentro do desenho, agora surge um filme da dupla Comichão e Coçadinha. São quarenta e oito minutos de muito sangue, miolos e fraturas, tudo muito divertido. Se você é fã do Simpsons, então…

 

Via Smelly Cat

Creepy Cuddlers

Já posso querer a coleção completa?

Para comprar, clique aqui.

( via Blog de Brinquedo )

Lilian Mitsunaga

Quem lê histórias em quadrinhos há pelo menos vinte anos, sabe quem ela é. 😉

Enquanto isso, em San Francisco

Foto de Thomas Hawk

Konyara

Em comemoração ao 110º aniversário do Grupo Nisshin Seifun, uma tradicional empresa do ramo alimentício no Japão, o Studio Ghibli criou esta animação com desenhos baseados na caligrafia oriental. O gatinho Konyara foi criado por Toshio Suzuki.

Graffiti Ambiente

Quando uma sacada é realmente inteligente

Autor desconhecido

Hoje tem Feijão Ilustrado

Jan Von Holleben

A inusitada imagem faz parte do ensaio “Dreams of Flying” de Jan Von Holleben.

O fotógrafo nasceu em Cologne, na Alemanha, e usa sua experiência pedagógica para criar cenas lúdicas e repletas de ação, que  remetem à sua infância.

Para conhecer melhor seu portfolio, clique aqui.

Cof Cof

Absolut Greyhound

Mais uma campanha inovadora da Absolut? Pois é!

Desta vez, os convidados foram os caras do Sweedish House Mafia, que criaram uma nova música especialmente para este video.

E olha que não é nenhuma edição especial, só um novo drink com grapefruit.