Arquivo mensal: novembro 2012

Daniel Cramer

sus

 

“Quando mesmo?” – Tirinha de Daniel Cramer

Via Sushi de Kriptonita

Gwen Murphy

 

“T-Straps” – Escultura de Gwen Murphy

Via Gwen Murphy Studio

Gustavo Duarte

 

“Múuuumia” – Lineart de Gustavo Duarte

Via Facebook

Pascal Campion

“Lily, Lyla, Lea?” por Pascal Champion

A difícil arte de escolher nomes para bebês, via Facebook

 

Eduardo Francisco

“O desafio constante de se manter sem desistir, não é brincadeira. É mais fácil desistir. 
Continuar, perseverar, custa. O grande perigo é quando a gente não percebe que esta desistindo. 

Eu sou um empreendedor nato. Gosto de trabalhar, de produzir, eu tenho um processo criativo muito grande dentro de mim, tanto que passo noites sem dormir imaginando o que eu poderia fazer. So que a gente precisa estar, presente, em tudo aquilo que fazemos… E não fazer da nossa ação um esconderijo para o teu ser. As vezes, a gente vai fazendo escolhas, julgando de um jeito que não percebe o que esta perdendo e quando se da conta, o deficit é muito grande. 

E se pergunta – O que eu fiz da vida? Porque tratei aquela pessoa daquele jeito? Porque não fui mais próximo? Porque não trabalhei menos, ou porque não trabalhei mais? Porque não me dediquei mais a mim e meus projetos? Porque não fui capaz de me amar um pouco mais? E assim, consequentemente, eu ter condições de amar um pouco melhor os que estavam ao meu redor. Porque que eu não tive disposição de lidar com aquele defeito que agora esta pior do que naquele tempo? Porque não tive coragem de ser verdadeiro comigo e as pessoas ao meu redor, e não encarei de frente os meus limites, em frente a um espelho? Mas cedo ou mais tarde, vamos nos fazer esta cobrança. 

Então, questione a você mesmo, neste momento, se esta fazendo a escolha certa. Se você esta julgando do jeito certo. Pra que você não se sabote. Muitas vezes este processo é inconsciente, a pessoa se destrói sem saber que esta fazendo isso. As escolhas que fazemos danifica o nosso futuro para o resto da vida. Quantas vezes nos sabotamos com sentimentos ruins. Amargurando porque não alcançou um objetivo. Porque uma pessoa não te ame ou porque não tem a mesma consideração por você. Mesmo assim, você não pode deixar de querer que sua vida de certo. 

Você pode se convencer a não querer se destruir. A voltar a acreditar. Que ainda existem coisas boas reservadas pra você. Que pode voltar a se amar. Que pode jogar todo este lixo que tem alimentado dentro do seu coração, pra fora. 

Respire fundo. 

Esta solidão só é quebrada quando a gente sai em direção de alguem que realmente possa nos ajudar. 

Procure alguem perto. Não se iluda com quem esta distante. Com ninguém feito de pixels. Que tudo o que tem a oferecer são frases decoradas. 

A gente tem a doce ilusão de que nós queremos ser amigo do outro, mas na verdade, muita gente se aproxima de você não é por querer ser teu amigo não, mas porque querem lhe ter na mão, como troféu. Não se ponha nesta condição de estúpido. Procure alguem que demonstre com atitudes, o que sente por você.

Vá em busca de gente que tenha disposição de participar da sua historia de um jeito efetivo. 

Vá em busca de alguém que possa te ajudar, a fazer por si, o que sozinho você não pode.”

Este belíssimo texto foi publicado por Eduardo Francisco, em sua página no Facebook.

Não perca o referencial do que é importante para você.”

Tooth Fairy Affair

“Tooh Fairy Affair” é um curta independente de Izabela Melamed, produzido em animação tradicional, com desenhos à lápis.

Via Smelly Cat

Marcelo Eco

 

Graffiti de Marcelo Eco + SWK + Fame

Via Facebook

Rosana Urbes

 

Pin-ups de Rosana Urbes

Via Facebook

Mário Oliveira

 

Retrato de Shirley Manson, por Mário Oliveira

Via Mario.Net

Pedro Cobiaco

“Eric, o garoto punk rock” – Tirinha de Pedro Cobiaco, publicada na Folhinha

Via Facebook

 

Chris Sanders

 

Sketches de Chris Sanders

Via Facebook

Katya

 

“Tell Me, Glass! Tell Me True!”

Escultura em papel machê de Katya

Via Facebook

Julia Bax

Dalcio Machado

 

Charge de Dalcio Machado, para o Correio Popular.

Via Facebook

Hiro Kawahara

 

Hiro lançou esta incrível lâmina de bandeja, na comemoração pelos cinco anos da Revista Ilustrar.

Via Facebook

Otto Schmidt

 

“Cleo and Romans” de Otto Schmidt

Via Facebook

Roger Cruz

 

“She and the Dragon” por Roger Cruz

Via DeviantART

Leinil Francis Yu

 

Uncanny X-Force, por Leinil Francis Yu

Via Comic Book Resources

Mark Brooks

 

Rogue, por Mark Brooks

Via Comic Book Resources

Otto Schmidt

“Wonder Woman”, por Otto Schmidt

Via Facebook

Julian Totino Todesco

 

Capa da última edição de “Uncanny X-Force” por Julian Totino Todesco

Via Comic Book Resources

Mark Brooks

 

Wolverine, por Mark Brooks

Via Comic Book Resources

Skottie Young

 

“Dorothy and the Wizard in Oz” por Skottie Young

Via Comic Book Resources

Renato da Cunha

 

“Dome&Rute” por Renato da Cunha

Via Flickr

Eduardo Baruch

 

“Amy” por Eduardo Baruch

Via Facebook